Bem vindo (a), se pretende aceder à totalidade dos assuntos apresentados neste fórum, deverá proceder ao simples registo de utilizador. Se já é nosso membro, basta efectuar o seu Login.

O registo e usufruto deste fórum é livre e inteiramente gratuito, porém, não deixe de consultar as regras de participação. Junte-se a nós!

Obrigado
Últimos assuntos
» Foto estranhã tirada numa casa no Fundão
Sex Nov 07, 2014 8:37 pm por Mephisto

» Imagens de Sacrificios e Rituais.
Sex Ago 15, 2014 1:59 am por J13K$#N

» Os Protocolos dos Sábios de Sião
Sex Ago 15, 2014 1:32 am por J13K$#N

» A Cura Física e a Cura Espiritual
Sex Ago 15, 2014 12:29 am por J13K$#N

» Constantine - filme
Ter Ago 05, 2014 8:15 pm por J13K$#N

» Clube da Luta (filme)
Ter Ago 05, 2014 7:58 pm por J13K$#N

» EXU NA UMBANDA
Ter Ago 05, 2014 12:01 am por J13K$#N

» Lúcifer - O Pai Da Mentira.
Dom Jul 27, 2014 2:01 am por J13K$#N

» The Matrix Revolutions - filme
Sex Jul 25, 2014 12:23 am por J13K$#N

Os membros mais ativos do mês

Visitas

A maldição de Alcácer do Sal - Sobre a magia na Época Romana

Ir em baixo

A maldição de Alcácer do Sal - Sobre a magia na Época Romana

Mensagem por Chacalnegro em Seg Fev 25, 2013 8:42 pm

Durante a Idade do Ferro, o lugar onde está Alcácer do Sal, perto do estuário do Sado, era um grande povoado. Ocupando uma posição importante no comércio com o Mediterrâneo, viu chegar fenícios, cartagineses e, mais tarde os romanos.

Durante a época romana, o seu cariz comercial manteve-se enquanto mercado de produtos regionais, como o vinho, cereais e conservas de peixe. A ocupação romana deu-se durante o período republicano (séc. II a.C.) e irá manter-se até à queda do Império sob o nome de Imperatoria Salacia.

No topo do monte, onde hoje se encontra a pousada do Castelo, foi escavado nos anos 90 um santuário romano cujas fundações assentavam num santuário mais antigo, da Idade do Ferro. Aqui, dentro de um pequeno tanque, possivelmente no pátio do santuário foi descoberta uma das peças mais mais raras deste género cujo significado é claramente mágico. Trata-se de uma pequena placa em chumbo com uma maldição inscrita conhecida por tabella defixionis. Até hoje só se conhecem mais 2 peças semelhantes em toda a Península Ibéria: uma de Mérida e outra de Italica, perto de Sevilha.

Era habitual na sociedade romana obter os favores dos deuses para os mais variados propósitos e um deles seria pedir o castigo de terceiros por afrontas recebidas. Estes pedidos eram, por vezes, escritos em lâminas de chumbo e deixados nos templos ou perto da casa das pessoas a quem se queria atingir.

A de Alcácer reza o seguinte: "Ó Senhora Mégara Invicta! Tu que recebeste o corpo de Átis, digna-te a receber o corpo daquele que levou as minhas bagagens, que as roubou da casa de Hispano. Ofereço-te como dádiva o corpo e a alma daquele para que eu encontre as minhas coisas. Se vier a encontrar esse ladrão, então prometo-te, ó Senhor Átis, um quadrupede como vítima. Ó Senhor Átis, rogo-te, pelo teu Nocturno, que faças com que eu as obtenha quanto antes."

Fonte da tradução: igespar.pt/media/uploads/revistaportuguesadearqueologia/6_2/13.pdf






Desenho da tabella defixionis de Alcácer do Sal

Fonte: tabellaproject.e-monsite.com/pages/peninsule-iberique/salacia-alcacer-do-sal.html

avatar
Chacalnegro
Gestão do Fórum
Gestão do Fórum

Mensagens : 185
Data de inscrição : 14/02/2013
Idade : 41

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum