Bem vindo (a), se pretende aceder à totalidade dos assuntos apresentados neste fórum, deverá proceder ao simples registo de utilizador. Se já é nosso membro, basta efectuar o seu Login.

O registo e usufruto deste fórum é livre e inteiramente gratuito, porém, não deixe de consultar as regras de participação. Junte-se a nós!

Obrigado
Últimos assuntos
» Foto estranhã tirada numa casa no Fundão
Sex Nov 07, 2014 8:37 pm por Mephisto

» Imagens de Sacrificios e Rituais.
Sex Ago 15, 2014 1:59 am por J13K$#N

» Os Protocolos dos Sábios de Sião
Sex Ago 15, 2014 1:32 am por J13K$#N

» A Cura Física e a Cura Espiritual
Sex Ago 15, 2014 12:29 am por J13K$#N

» Constantine - filme
Ter Ago 05, 2014 8:15 pm por J13K$#N

» Clube da Luta (filme)
Ter Ago 05, 2014 7:58 pm por J13K$#N

» EXU NA UMBANDA
Ter Ago 05, 2014 12:01 am por J13K$#N

» Lúcifer - O Pai Da Mentira.
Dom Jul 27, 2014 2:01 am por J13K$#N

» The Matrix Revolutions - filme
Sex Jul 25, 2014 12:23 am por J13K$#N

Os membros mais ativos do mês

Visitas

Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por ricardocosta28 em Qui Fev 28, 2013 12:09 am

anokidas escreveu:Tenho até em consideração que o médium no final da sessão possa se sentir cansado ou com poucas energias e que precise de materiais para fazer a limpeza,mas essas matérias custam quanto? Uma vela custa 50 euros? o sal a agua a luz são coisas que todos nós usamos diariamente.Se eu disser vou sair do meu emprego e viver da mediunidade,não está o médium a trabalhar por dinheiro?

Depende Anokidas, se sais do teu emprego para exercer ajuda aos outros mas até o vais fazer na tua residencia e deixas ao critério de cada um dar aquilo que pode e se não dá porque não pode não vais reparar nisso, não estás ajudar os outros por dinheiro. Mas há muitos Médiuns que o fazem sem pedir qualquer valor e cada um deixa o que quer
avatar
ricardocosta28
Membros Convidados
Membros Convidados

Mensagens : 46
Data de inscrição : 19/02/2013
Idade : 32
Localização : Espinho

http://www.bazar-mistico.webnode.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por Mephisto em Qui Fev 28, 2013 12:26 am

lancelot escreveu:
Não discordo da ideia de ninguém porque no fundo todas têm seu fundamento.
Mas imaginemos que é um caso de um médium que se dedica a isso a tempo inteiro. O que achas, deve cobrar o valor justo de forma a subsistir ou deve esperar pela caridade alheia e morrer de fome?
Nesse caso como ele não pode morrer de fome e tem contas mundanas a pagar e família a sustentar o melhor será ir trabalhar em outro trabalho de forma a ganhar o seu sustento e deixar o dom mediunico de lado.

Assim sendo ajudar os outros, não enche a barriga.

A questão que colocas, Lancelot, nada mais tem a ver senão com uma opção pessoal. O que é verdadeiramente importante para ti na condição de umbandista (por opção tua)? A família ou a ajuda ao próximo? Ajudar o próximo tem muito que se diga, tanto ou mais do que a mediunidade em si, que é uma condição psíquica variável. O teu trabalho como umbandista é semelhante ao serviço que o sacerdote -na assumpção geral do termo- realiza. Sacrificas o teu tempo e a tua vida em prol da realização de trabalhos a favor de outrem, para melhorar ou resolver uma determinada situação. A questão é simples de resolver e resume-se basicamente a isto:

- Se te entregas à realização de trabalhos a tempo inteiro, podes deixar de ganhar sustento para manter a tua família.

- Se deixas de poder manter a tua família, surgem os normais problemas num casal, sujeitas-te a perder a tua família. Isto porque sacrificas o teu tempo a prestar ajuda ao próximo, quando aqueles que mais precisam de ti são colocados em segundo plano, em prol dessa tua opção.

Aquilo que creio ser verdadeiramente importante neste tópico, coisa que o Chacal já colocou em mesa, é o verdadeiro cerne da questão: ajudar quem, como e porquê?

Ajudar espiritualmente uma pessoa, não pode ser equiparado de modo algum à ajuda profissional prestada pelos técnicos de saúde, por exemplo, pelos mais variados motivos. O mundo gira à volta do dinheiro, quer queiramos quer não, todos somos escravos dele. Não vale a pena citar frases com milénios, trazendo-as a uma realidade totalmente diferente daquela em que foram escritas.

Cobrar ou não um trabalho desse género é algo que apenas diz respeito à tua consciência e nada mais. Não é moral nem imoral, não é certo nem errado. É aquilo que a tua consciência ditar. A referência que fazes aos valores exorbitantes que são pagos de boa vontade em detrimento das pequenas ofertas é pura psicologia de rebanho. Acredites ou não, o valor elevado estabelece o efeito placebo da certeza de qualidade. É algo que está tão enraizado na sociedade que jamais irá mudar enquanto houver dinheiro a circular. O dinheiro estabelece um efeito de poder, quanto mais alto o valor, mais poder lhe é associado. Experimenta cobrar 400 euros a uma pessoa pelo teu trabalho com o ar mais seguro e sério do mundo. Faz umas misturas maradas de ervas e mete num frasco. Acende velas e isso tudo à frente dela. Depois diz que ela tem de sair para continuares o ritual que é perigoso e blá blá. Quando ela for embora vai beber cervejas. Na semana seguinte, quando ela voltar para saber dos resultados, pergunta se ela não sentiu isto e aquilo de melhorias. Vais ver que está melhor que ninguém. Cobra 10 euros a outra e faz-lhe a mesma pergunta. Caiu-lhe o mundo em cima Wink



__________________________________________________
"Thy name is nowhere
Thy name is never"
avatar
Mephisto
Administração
Administração

Mensagens : 401
Data de inscrição : 14/02/2013
Localização : Portugal

http://www.psiqueparanormal.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por lancelot em Qui Fev 28, 2013 2:02 am

Saudações.
Como Umbandista e como Cavaleiro da ordem dos Portais de Libertação, procuro em primeiro lugar o equilibrio da minha mediunidade, o meu crescimento interno. E quando isto estiver minimamente feito estou apto para ajudar quem quer que seja. No templo dos Portais e no Terreiro contribuo com uma mensalidade pouco superior a 10€ de forma a ajudar o local. Como disse, nos Portais o atendimento é gratuito e sei as dificuldades que são para manter o templo aberto. No terreiro se cobra 10€ por pessoa, mas nunca foi negado o atendimento a quem nao os tivesse, e garanto que são muitos. O terreiro se sustenta dessa forma. Trabalho individual só faço para quem me conhece, pois nao publicito nada. Cobrar, nao cobro nada, pois sei que no amanhã serei eu a precisar. O trabalho que faço é todo à distância. Nao faço disso a minha vida. Tenho meu trabalho normal. Pessoalmente penso que aqueles que precisam de mim hoje podem me ajudar amanhã. Em boa verdade, minha família já ficou muitas vezes para trás. Sao pelo menos duas noites por semana que me dedico a isto. Uns vão para o futebol eu vou equilibrar a minha mediunidade.
Quando ao cobrar ou nao cobrar, quanto ao contribuir ou deixar de contribuir, como tu bem dizes, vai da consciencia de cada um. Nao me vejo a fazer esse tipo de trabalho em casa ou num consultório. Muito menos a dar cursos. Como disse faço somente para alguns conhecidos que me pedem. E mesmo assim costumo encaminha-los primeiro para qualquer um dos templos.
Podem me chamar de egoísta, mas tudo o que aprendi até hoje foi para me ajudar a mim proprio, equilibrar meu interior e buscar respostas para as minhas questões. Mas se ao me ajudar eu posso ajudar os outros, é claro que fico mais feliz ainda. E nao existe dinheiro algum que pague essa satisfação pessoal.
Quem já passou pelo meu forum, verá que foram feitos trabalhos de auxilio a pessoas necessitadas. Quase sempre questoes de saude. E só o facto de saber que este ou aquele individuo recuperou, para mim já é pagamento o bastante. No mais o forum nao tem publicidade alguma. Logo nao posso esperar ganhar algo monetário, somente satisfação pessoal.
Pessoalmente, acho que cresço bastante desta forma. Principalmente em aprendizado. Ou seja, ajudando os outros estou ajudando a mim mesmo.

Peço desculpa se de alguma forma nao correspondi às vossas espectativas.

Saudações.
avatar
lancelot
Membros Convidados
Membros Convidados

Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/02/2013
Idade : 42

http://portaisdeluz.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por Salomé em Qui Fev 28, 2013 4:00 pm

Muito bem Lancelot,

Quando dizes: podem me chamar de egoísta, mas tudo o que aprendi até hoje foi para me ajudar a mim proprio, equilibrar meu interior e buscar respostas para as minhas questões. Mas se ao me ajudar eu posso ajudar os outros, é claro que fico mais feliz ainda. E nao existe dinheiro algum que pague essa satisfação pessoal.
Quem já passou pelo meu forum, verá que foram feitos trabalhos de auxilio a pessoas necessitadas. Quase sempre questoes de saude. E só o facto de saber que este ou aquele individuo recuperou, para mim já é pagamento o bastante. No mais o forum nao tem publicidade alguma. Logo nao posso esperar ganhar algo monetário, somente satisfação pessoal.
Pessoalmente, acho que cresço bastante desta forma. Principalmente em aprendizado. Ou seja, ajudando os outros estou ajudando a mim mesmo.

Na realidade esta é a minha maneira de "ver" a questão. No entanto se for a um sitio em que cobrem, e se mesmo assim lá for, pagarei.

No fundo a questão de cobrar ou não (e desde que seja para subsistência e não para enriquecer à custa das desgraças alheias), depende e só, da disponibilidade do medium, se se dedica à curta (espiritual ou física) a tempo inteiro ou não.
avatar
Salomé
Philosophus
Philosophus

Mensagens : 239
Data de inscrição : 23/02/2013
Idade : 57

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por Ceinwyn em Sex Mar 01, 2013 4:01 pm

Até á uns tempos atrás também discordava em absoluto de mediuns que cobravam quantias pela sua «ajuda», contudo, a minha visão acerca deste assunto tem vindo a mudar...


Outrora acreditei que, uma vez que se tratava de um «dom/capacidade» dado por Deus não deveriam existir quaisquer ganhos financeiros, mas hoje em dia tenho me questionado se este será um «dom/capacidade» dado por Deus, ou se será apenas e só uma capacidade comum a todos os seres humanos e que de alguma forma nascemos quase todos com essa capacidade bloqueada...e nada tem a ver com atributos fornecidos em exclusivo por Deus.


Todavia, verificam-se «falhas de fabrico», sem ofensa claro e alguns de nós nascem com essa capacidade desbloqueada, ou seja ligados a outras dimensões/mundos/ realidades como queiram...

Posto isto, ora se temos determinada capacidade para fazer algo e se a fazemos com excelencia e de forma diferenciada, somos pagos e em alguns casos e em certos países bem pagos , porque não pode um medium faze-lo?

Então porque não pode um medium que prove ser eficaz, verdadeiro e «competente» cobrar pela sua capacidade? Para mim pode e deve.
Pode porque pagamos por serviços e bens todos os dias e pagamos bem para saborear criações magnificas, quer na musica, teatro, pintura, vestuário e etc, porque não pagar por algo que queremos «saber» e que muitas vezes faz tão bem á alma?Very Happy

Deve cobrar porque assim e na minha opinião afugentam/filtram os «hipocondriacos do paranormal», aqueles que não necessitam de ajuda real, apenas vivem fascinados/obcecados com estes temas, mas que querem sempre uma «leitura» de borla.

Por fim, a cobrança deve apenas acontecer, como em outras areas, após o serviço ser prestado com qualidade, salvo excepções.

Ninguém vive só de água ou O2, por isso compreendo que se pague mesmo este tipo de ajuda. Quanto ás quantias exorbitantes pagas muitas vezes aos mediuns...enfim, cada um gasta o seu dinheiro como quiser e se acha que o medium o merece, não nos cabe a nós julgar...
🇳🇴Charlatões existem em todas a areas e quando se trata de ganhar dinheiro....aumentam consideravelmente. Contudo, são daquelas pragas dificeis de eliminar...Twisted Evil

Um bom medium, sem ter de estipular qualquer valor, deve sim ser compensado;)
avatar
Ceinwyn
Membros Convidados
Membros Convidados

Mensagens : 178
Data de inscrição : 19/02/2013
Idade : 45
Localização : Barreiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por Voyeur_19 em Ter Mar 25, 2014 12:17 pm

Eu cobro 20€ por cada leitura de tarot e demoro cerca de 2 horas por vezes mais a atender cada consulta.

Todas as pessoas que lá vão, depois voltam e tornam a voltar.

Não me considero uma charlatã por cobrar. Não se esqueçam de um ponto importantissimo.. se um médium atender um utente "carregado" vai ter que fazer um ritual de limpeza no local onde o atendeu e para isso tem que gastar dinheiro a comprar os produtos.

Para meu azar só atendo casos complicados, por vezes os 20€ que me pagam não chegam para os gastos.

Portanto se sou a favor de um médium cobrar? Pois claro que sou. Desde que saiba o que está a fazer e dê resultados os trabalhos. Não cobro exorbitâncias, apenas o necessário para os meus gastos, despesas de gásoleo e tempo perdido.

Bem hajam

Voyeur_19
Zelator
Zelator

Mensagens : 2
Data de inscrição : 25/03/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mediunidade. Cobrar ou não cobrar.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum